Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Escolaridade

O rapaz está no 6º ano


Preocupações, sempre

por paranoias-de-mae, em 14.04.17

1254klh.jpg

É mesmo, uma mãe tem sempre preocupações, pelo menos eu, tenho. No tempo da escola, preocupo-me se ele está bem, se terá comido, porque ele é um lingrinhas, não come nada de jeito, mas se for porcarias já come...

 

No tempo de férias, alguns dias fica sozinho, e isso também me preocupa. Aconteceu um dia eu ligar-lhe para o telemóvel e dar mensagem de estar indisponível, mandei mensagem pelo mensageiro através da Internet e nada. Estava incontactável. Fiquei aflita. Mas, ele ficou sem bateria e meteu a carregar, para isso desligou a Internet e a operadora estava sem rede. Acontece muitas vezes, na sala não temos rede e na cozinha já temos, e  o telemóvel ficou onde não havia rede.

 

Vida de mãe!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Estas são  as 10 maiores preocupações dos pais com os filhos, um estudo feito nos Estados Unidos. Uma realidade que vou comparar com as minhas preocupações de mãe portuguesa.

 

1. Obesidade infantil: mantém o primeiro lugar em 2015, assim como em 2014.

Esta pelo menos não me preocupa, é um magricelas, o meu filho, preocupo-me mais com a sua magreza!

 

2. Bullying mantém o 2º lugar em 2015.

Sim esta é uma situação que me preocupa muito, o meu filho costuma dizer que é contra a violência, mas isso, faz com que ele não se saiba defender.

 

3. Uso de drogas mantém o 3º lugar desde 2014.

Para já não me preocupo, acho que ele ainda nem tem noção do que isso é!

 

4. Segurança na internet: Este é um dos temas que mais subiu na tabela de preocupações. Em 2014 ocupava o 8º lugar.

Sim é uma preocupação, pois ele já mexe muito com a internet, apesar de nós, pais, vigiarmos tudo...tenho receio que nos escape alguma coisa.

 

5. Abuso sexual: subiu uma posição em relação ao ano passado.

Nem quero pensar nisso, pois é um tormento essa hipótese!

 

6. Sexting: este é outro dos temas que passou a ser mais preocupante para os pais desde 2014, onde ocupava o 13º lugar.

Desconhecia o significado, tive de ir ver ao google. Vou estar atenta!

 

7. Fumar. Em 2014, fumar era um tema mais preocupante para os pais, ocupando o 4º lugar na lista.

Para já o meu filho detesta tabaco, fumo, é mesmo anti. Na família próxima, ninguém fuma. Mas nunca se sabe o futuro.

 

8. Violência na escola: em 2014, a violência ocupava o 5º lugar.

Eu colocaria esta preocupação em primeiro lugar, tenho muito esse receio.

 

9. Gravidez na adolescência subiu um lugar na tabela este ano.

Pois é rapaz, não pode engravidar, mas pode dar o seu contributo. Para já ainda não pensa nessas coisas, mas tenciono explicar-lhe tudo em breve.

 

10. Stress.

Acho que é preocupante. É preciso estarmos alerta, dar apoio, elogiar, dar-lhe confiança.

 

Acrescentaria mais uma coisa: atropelamento, pois é algo que me preocupa bastante.

Podem ver o dito estudo aqui.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Preocupações

por paranoias-de-mae, em 28.07.15

Hoje, estou especialmente, deprimida! É só obstáculos! Estou cansada de "bater a tantas portas" e de as encontrar sempre fechadas.

A preocupação é a mesma: a ida do rapaz para o 5ºano:

1- O percurso é difícil e muito agreste. Já escrevi ao vereador a pedir obras na estrada há um ano atrás e há meses disseram-me que tinha sido aprovado, mas até agora, nada!

2 - Vivemos num prédio, é preciso agilidade para abrir a porta, ele ainda não consegue!

3 - Costumam sair no ano dele 4 vezes ás 13:30h. Estou a trabalhar não o posso ir buscar. Pedi no trabalho um ajustamento do horário, apenas no primeiro período para o orientar, até mencionei o artigo do código do trabalho que permite essa flexibilidade, mas, só encontrei dificuldades e impedimentos. Mais de uma década de dedicação a uma empresa, mas quando realmente pedimos alguma coisa, é sempre complicado. Sei que os tempo são difíceis, e que há falta de pessoal, mas, será que não dava para se fazer um esforço...é uma situação de emergência, pelo menos, para mim!

4- Há quem ache que sou uma exagerada e que tudo se vai resolver de forma natural.

Ninguém o conhece como eu, que espécie de mãe seria eu, sabendo das dificuldades dele, o deixasse ao deus dará, para que ele se desenrascasse!? Faz falta ter alguém que dê apoio, mas não tenho esse alguém por perto. O ATL aqui,  só fica com as crianças até ao 4ºano, depois, apenas há centros de explicações, mas esses centros não vão buscar as crianças á escola...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Coração de mãe sofre

por paranoias-de-mae, em 10.10.12

Visto que o tempo está quente, ele leva casaco e manga curta. A ideia é ele depois assim que ficar calor, tirar o casaco. Aliás eu digo-lhe isso. Mas, muitas das vezes,  quando o vou buscar à tarde, ele ainda tem o casaco vestido e com o fecho fechado até ao pescoço. E tem o cabelo todo molhado (diga-se transpirado). E fica toda a gente a achar estranho ele sair da sala de aula com o cabelo naquele estado. Mas será que nem uma  professora nem uma funcionária nem o próprio se dão conta que ele tem de despir o casaco!? 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


O que estou a fazer mal? O que tenho de mudar?

por paranoias-de-mae, em 17.04.12

No post anterior, falei do que me preocupa no meio rural, hoje vou falar do que me preocupa no meio urbano. Sim,  porque a mim tudo me preocupa!

Estive a pensar uma coisa: eu quando ando com o meu filho a pé na rua levo-o sempre de mão dada pelo passeio. Se um dia eu não puder estar com ele, e ele for com outra pessoa, será que essa pessoa tem esse cuidado? Pensei isto porque vi uma cena de uma avó com dois netos e eles caminhavam não de mão dada à avó, mas os três em fila. Nesta altura, pensei que o meu filho se fosse ali, assim largado ia-se distrair com a brincadeira e ainda ia para a estrada!

Outra coisa: no carro, sou sempre eu que lhe coloco ou tiro o cinto e que lhe abro ou fecho a porta. Neste caso, (se calhar) acho que tenho de lhe dar um pouco mais de independência, porque ele pode ter de ir com outra pessoa e essa pessoa dizer-lhe para ser ele a colocar o cinto ou a abrir a porta!

Se alguém tiver alguma experiencia com os filhos da mesma idade ou algum conselho para mim, eu agradeço imenso...

Autoria e outros dados (tags, etc)


Preocupada à toa

por paranoias-de-mae, em 01.03.12

Uma colega tinha-o magoado (sem querer) numa porta e ele queixava-se muito da mão e do pulso! Mas como não tinha nada inchado nem negro apenas lhe pus a pomada "Arnigel". De manhã só se queixou quando íamos a caminho da escola e eu lhe peguei na mão, pois vamos de mão dada. Foi todo o caminho a queixar-se, pediu-me até para o ir buscar antes da aula de ginástica, porque não ia conseguir fazer ginástica assim. Eu passei o dia preocupada, e saí do meu trabalho a grande velocidade para chegar antes da aula de ginástica. Quando chego perto dele pelo portão, ele já nem se lembrava da dor, nem queria faltar á ginástica!

Eu não tenho emenda! O que eu  sofri neste dia, pensando que talvez o deveria ter levado ao médico, ou que poderia ser algo grave...Mãe sofre mesmo!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)


De onde terá vindo...

por paranoias-de-mae, em 22.09.11

Na minha infância, sempre me lembro da minha mãe extremamente preocupada quer comigo, quer com os meus irmãos. Eu era a mais nova. Recordo-me da minha mãe a "vaguear" pela casa quando os meus irmãos saiam à noite e tardavam a chegar.

Quando eu terminei os meus estudos e fui trabalhar  para fora e comprei telemóvel, a minha mãe estava sempre a ligar-me a perguntar onde estava com quem estava e como estava. Quando estava em casa com ela, nunca queria que eu saísse e se eu saia era um dilema. Eu chegava a aborrecer-me e não aceitava bem tanta preocupação, e achava que nunca seria assim quando fosse mãe.

 

Pois enganei-me e tornei-me ainda pior que ela!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Junho 2017

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930

Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D