Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Escolaridade

O rapaz está no 9º ano


Estar sempre em casa

por paranoias-de-mae, em 20.03.20

sala-de-aula-vazia-da-escola-interior-realístico-

Devido ao covid-19, as escolas estão fechadas, os alunos estão em casa. Apesar de para o meu filho isso não ser um castigo, pois ele adora estar em casa, ele está consciente da gravidade da situação e está preocupado.

Estamos todos preocupados com a situação actual do país, mas não nos podemos deixar vencer pelo medo, e claro ter todos os cuidados possíveis e recomendados, e, principalmente não sair, ou evitar ao máximo, sair de casa.

Ele que se interessa por história, já andou a verificar as crises e epidemias que já aconteceram, no passado e já fala do assunto com alguma maturidade, faz comparações, e diz que possivelmente, quando este período passar virá uma crise económica.

Desejamos que tudo isto passe, e que voltemos o quanto antes à normalidade!

Autoria e outros dados (tags, etc)


O bom exemplo

por paranoias-de-mae, em 12.03.20

Sempre achei que para educar e ensinar teria de primeiro dar um bom exemplo. Na maioria das vezes, ou na maioria dos assuntos, resultou bem.

Começando pelas discussões, nunca gostei de discussões, de gritos. Felizmente é raro acontecer cá em casa. Quando acontece, ele estranha logo, e pede para não falarmos alto.

As pastilhas elásticas eram para ser uma experiência mais tardia, mas certa vez, tinha ele uns cinco anos e vi a mãe de uma colega a dar-lhe uma, por sorte estava por perto, pedi que não desse porque ele não sabia "comer". Fui logo a seguir comprar duas pastilhas elásticas para "mastigar"  com ele e dizer-lhe como aquilo funcionava. Felizmente é coisa que raramente pede.

Em relação à lavagem dos dentes: habituei-o de pequenino, quando ainda era eu que lhos escovava. Sofri tanto em pequena por não ter este ensinamento, que me dediquei a este assunto, desde cedo. Felizmente, hoje em dia,  nem é preciso mandar, ele vai e sabe como é uma tarefa super importante.

De seguida, cá em casa ninguém fuma. Nem os parentes mais próximos! Ele tinha apenas 5 anos quando estávamos estacionados num parque de uma loja à espera do pai, era hora de sol posto,   ele viu um senhor a fumar, e disse-me inocentemente: "olha mãe aquele senhor tem um chupa que brilha!" Quando ele mais tarde percebeu o que significava fumar, expliquei-lhe que fazia mal à saúde. Uma vez estava num parque a brincar com uma amiguinha, viu o pai desta a fumar, veio ter comigo, e em segredo pediu-me se eu podia ir avisar o senhor, que aquilo fazia mal à saúde. Respondi que ele sabia.

Recentemente quando vi na escola dele um menino com quem ele chegou a brincar e mais novo que ele a fumar, fiquei preocupada. Tivemos uma conversa com ele e dissemos que se alguma vez ele sentisse vontade de experimentar para nos pedir a nós e não fumar nada que lhe dessem. Garantiu-me que nunca fará isso. Mas nunca se sabe, a vida muda, as ideologias também podem mudar.

Outra coisa: sacos ecológicos. Ele nunca ou raramente  me viu usar/comprar sacos de plásticos. Na escola, quando fazia trabalhos, de ciências sobre a matéria tinha em mente a lição, não só a estudava como a aplicava. Uma vez no supermercado a menina da caixa perguntou-me se queria saco, eu percebi que a pergunta era se tinha saco, então respondi que sim, e ele olhou para mim chocado e disse "Mãe, vais levar um saco plástico!?", respondi imediatamente que não!

Na mesma linha, não deita lixo para o chão, é capaz de percorrer uns metros até encontrar um caixote ou guardar os papéis ou outro lixo num bolso ou mochila até a casa. Em casa, separamos o lixo, e se, eu me descuido, e ele repara, aponta-me logo o melhor caminho!

Também é muito respeitoso para com os mais velhos, pois sempre lhe expliquei, que os avós eram humildes, que passaram muito, tal como as pessoas da idade deles.

Mais uma coisa: o respeito pelos animais. Sempre me viu tratar bem os animais. Tal como eu, defende-os, mesmo que sejam de rua, se vir alguém a judiar é capaz de intervir, e sendo ele tão tímido, é para mim comovente ver e perceber como tem tanta afeição e respeito por eles.

Na mesma linha, é contra a toda a violência contra eles, principalmente em  touradas.

Em relação ás asneiras, cá em casa não somos muito de dizer asneiras, até entrar para a escola havia palavras que ele nem sabia que eram asneiras. Mas hoje em dia, confesso que por vezes me descuido e é ele que me alerta. Ele raramente o ouvi dizer um palavrão!

Defender ídolos, quando ele admira uma pessoa defende-a. Aqui há uns tempos estavam na imprensa a dar noticias de alguém que ele admirava, e dizia que não acreditava, que não devia ter sido bem assim. No final veio a ver-se e a pessoa estava inocente.

Também defende os amigos, aqueles que acha que conhece bem, e que serão amigos para sempre!

Em relação aos legumes. Cá em casa sempre gostei muito de sopa, de algumas saladas. Habituei-o desde pequeno, mas, nesta matéria, o exemplo não serviu de nada, ele detesta sopa, legumes! 

Outro exemplo que não surtiu efeito, é o ter paciência para esperar, principalmente em filas. Sempre lhe disse para ter calma para saber esperar. Mas na escola, por exemplo,  se a fila para o bar estiver muito grande, prefere não comer!

Nem tudo é perfeito, mas sei que será uma boa pessoa, bem formado, com bons princípios e valores. É muito correto, mas ao mesmo tempo ingénuo, porque sendo ele assim, julga que os outros também são. É aí que tento que ele entenda, que nem todas as pessoas são sérias!

Que ele seja feliz, honesto e equilibrado, é o que desejo e para isso que "trabalho"!

1206darex[1].png

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Março 2020

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D