Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Escolaridade

O rapaz vai para o 9º ano


É bom ter um amigo "Einstein"

por paranoias-de-mae, em 29.05.19

O meu rapaz, tem bom fundo, é bem formado, e por vezes enche-me de orgulho!

 

Ele tem um colega, que é do mesmo ano, mas de outra turma. Entretanto, por vezes têm uma disciplina juntos, daí  se terem  tornado bons amigos. Esse colega é um  verdadeiro Einstein. Tem nota 5 (cinco) a todas as disciplinas, chega a tirar 100% a matemática ou a português. Uma  vez tirou 98%  e parece que ficou muito chateado com ele próprio, porque até sabia aquilo, foi um deslize!

 

Certa vez, houve um trabalho individual que cada aluno tinha de apresentar  à  turma e ao professor, o meu rapaz apresentou num dia e sabia que no dia a seguir seria o tal Einstein.  Então o meu filho andava ansioso por esse momento.

 

Nesse dia, vinha deslumbrado, com o  Einstein, elogiou, disse que nunca seria capaz de apresentar assim, que ele era mesmo o máximo!

 

Enfim ele tem uma admiração pelo outro,  genuína, nada de inveja, é mesmo admiração, é do tipo da admiração que ele tem pelo Cristiano Ronaldo, mesmo não sendo grande  fã de futebol.

 

Que seja uma boa influência para ele, que ele possa assim, ter mais ambição nos estudos!

eintein.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)


Tenho de mudar a minha atitude

por paranoias-de-mae, em 15.04.19

O meu filho já foi sozinho a vários aniversário, como também, já estiveram no aniversario dele, alguns amigos. Normalmente os aniversários eram nas casa dos amigos ou iam com os pais a algum lugar, tipo pizzarias ou Macdonald's.

 

Desta vez era num restaurante, mas só estariam os miúdos, sem os adultos. Ao escolher o prato, esquisitinho como ele é, escolheu carne. O problema era cortar a carne. Não conseguia e ao principio sentiu-se mal e atrapalhado.  Como (erradamente) sou sempre eu que lhe corto tudo, ele estava com muita dificuldade em cortar. Já aqui disse que ele é meio canhoto para algumas coisas.

 

No entanto, não era o único, e como viu os colegas comerem com as mãos, resolveu segui-los!

 

E eu percebi, que esta super proteção que exerço sobre ele, o prejudica. Este episódio, foi um alerta para mim. Decidi que já não vou preparar o prato, mas sim ensiná-lo como fazer!

 

Também tenho de o cativar a fazer algumas coisas na cozinha...em mais pequeno ele adorava ajudar e aprender.

 

JPG123654.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


O rapaz é generoso

por paranoias-de-mae, em 11.11.18

Um dia destes, fui buscar o rapaz para almoçar em casa. Como sei que ele não gosta da comida da escola, e não estava a trabalhar, combinamos ele vir. Normalmente, paro o carro em frente à escola ele entra e saímos, tudo com rapidez para não empatar o trânsito. Ele pede para abrir o vidro e diz-me que um colega dele não tem senha para almoço porque era peixe, nem tem nada para comer, e pergunta se o pode levar. Digo que sim, chama o amigo que vem a correr, e lá vai almoçar com ele.

Noutro dia fui buscá-lo à tarde, e pergunta se podemos levar um amigo a casa, e lá vamos nós levar o outro amigo.

Fico tão orgulhosa de ver como ele é generoso...

card_dm_0117_hq02_2[1].png

Autoria e outros dados (tags, etc)


Grandeza de carater, pureza de coração

por paranoias-de-mae, em 19.10.17

Aconteceram duas situações recentemente, que me fazem acreditar, que o meu rapaz tem bom coração, apesar de ainda ser um pouco ingénuo,

 

  1. Na escola um dos seus amigos, retirou-lhe uma bolsa da mochila e andou a atira-la ao ar no pátio, gozando com ele. Ele ficou desolado, ainda mais por se tratar de alguém a quem ele considerava de grande amigo. Dias depois foi ao  bar, e eu vi pelo estrado do cartão que ele tinha comprado duas sandes de fiambre. Ora sabendo eu, que ele mal tem barriga para uma, perguntei. A resposta dele foi que comprou para o amigo B. - o que lhe tinha tirado a bolsa. Eu fiquei  admirada e ele diz-me ."fiz mal, mãe!?" Ao que respondi claro que não. O amigo não tinha dinheiro no cartão.
  2. Na porta no supermercado estava uma senhora de etnia cigana a dizer "dê-me alguma coisa pra comprar comidinha!" E ele disse logo " ó mãe temos de dar alguma coisa à senhora, coitadinha, se calhar está a pedir para os filhos". Expliquei-lhe que a sra não me tinha inspirado muita confiança, que nem sempre podemos dar...Entretanto à saída lá estava a senhora e ele lembrou-se de novo. Sei que eu depois de o ouvir, acabei por ficar com remorsos de não ter dado qualquer coisa à senhora, nem que fosse alimentos, porque dinheiro não tinha comigo, uso mais o cartão.

 

Uma mãe fica derretida quando vê estas façanhas e percebe que não anda a pregar pras paredes! O  meu filho tem carater e bom coração... Só precisa de ganhar um pouco mais de perspicácia, talvez...

 

20497511_bc1fD[1].jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Dia internacional da amizade

por paranoias-de-mae, em 21.07.13

 

Ele desenhou-se ao lado do seu melhor amigo.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Julho 2019

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D